Residentes em UK devem se abster de viagens turísticas para a Espanha

Embora não haja mais restrições para viagens à Europa e particularmente à Espanha, a recomendação do governo britânico é que se abstenha de viagens turísticas a essa região.

A esse respeito, a ministra do Comércio Anne-Marie Trevelyan exortou as pessoas a não viajarem para lá, a menos que haja uma razão urgente.

A Espanha ainda está na lista âmbar do governo britânico, o que significa que as pessoas não devem viajar para o país a menos que seja por razões familiares ou comerciais essenciais.

Os viajantes também terão que se submeter a uma quarentena de 10 dias e ser testados quanto ao vírus na partida e no retorno.

Apesar disso, Fernando Valdes, ministro do turismo da Espanha, sugeriu que o país poderia ser acrescentado à lista verde do Reino Unido na próxima revisão governamental, o que significa que os viajantes não teriam que se isolar quando retornassem ao Reino Unido.

Por outro lado, o primeiro-ministro espanhol Pedro Sanchez disse que o país “ficaria muito feliz em receber todos os turistas britânicos”.

O secretário de Comércio disse à mídia local que o âmbar significava “por favor, não vá, a menos que haja uma razão familiar urgente”. “Ainda estamos tentando avançar lentamente em nosso roteiro para poder abrir em 21 de junho e queremos fazer isso de maneira firme e cuidadosa”, disse ele.

“A realidade é que, neste momento, os países âmbar ainda não satisfazem os critérios para que nossos cientistas digam que eles devem ser adequados. Portanto, a recomendação continua sendo de não ir a menos que você tenha que ir e lembre-se que, se o fizer, você mesmo terá que ficar em quarentena por 10 dias e isso será monitorado”.

Suas palavras ecoaram as do secretário de transportes Grant Shapps, que disse que as pessoas considerando ir para países ainda não incluídos na lista verde deveriam ser “mais pacientes”.

Também pode interessar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *