Primeiro-ministro revelará novo sistema de alerta de três níveis

O primeiro-ministro Boris Johnson vai anunciar em sua tradicional conferência de imprensa sobre o coronavírus, um novo nível de alerta que será implementado em todo o Reino Unido em face às altas taxas de infecções, que vai classificar as regiões entre alerta “média”, “alta” ou “muito alta”.

Uma das regiões que pode ser afetada pela aplicação das novas restrições é Liverpool, que registrou 600 casos por 100 mil pessoas na semana que termina em 6 de outubro, se levarmos em conta que a média da Inglaterra é 74.

Através da sua intervenção na Câmara dos Comuns, o ministro anunciou que academias de ginástica, cassinos e pubs estão entre os negócios que serão afectados pelas medidas de alto nível que serão revistas todos os meses.

Pode interessar à você: Expectativa de novos anúncios do primeiro ministro britânico.

Diante dos parlamentares na tarde de segunda-feira (12/10), o primeiro ministro destacou que “o novo sistema de três níveis simplifica e padroniza” as restrições ao coronavírus.

Na conferência de imprensa, Boris Johnson estará acompanhado pelo Ministro das Finanças Rishi Sunak e pelo Professor Chris Whity, diretor médico da Inglaterra.

É importante mencionar que desde a última sexta-feira (9/10) na Escócia medidas mais drásticas foram introduzidas para a indústria da hospitalidade, incluindo o fechamento de bares e restaurantes na área central.

Pode interessar à você: Na Escócia, pubs e restaurantes não poderão vender bebidas alcoólicas em ambientes fechados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *