7 °C
Países Lusófonos

Cabo Verde quer ampliar parceria com União Europeia

|

Luisfelipecaboverde



(LONDRES) Da redação


Em busca de mais investimentos e geração de empregos, Cabo Verde prepara-se para melhorar, em diversos aspectos, a parceria de 10 anos com União Europeia.

União Europeia e Cabo Verde celebraram em maio uma década de bons relacionamentos, conhecidos como “Parceria Especial”, acordo regulado por seis pilares: boa governança, segurança e estabilidade, integração regional, convergência técnica e normativa, sociedade da informação e do conhecimento, luta contra pobreza e desenvolvimento.

Nessa etapa em que celebra o sucesso da parceria, Cabo Verde pretende ampliar a cooperação a outras áreas, que considera importantes para seu desenvolvimento, como investimento, crescimento e emprego, reformas institucionais e a problemática dos oceanos.


Uma série de visitas está programada a países como Espanha, Portugal e Itália. O ministro da Defesa Luís Filipe Tavares, que já se tinha deslocado a vários outros países europeus para pedir apoio ao alargamento da parceria, segue na representação também nessa etapa.