15 °C
Europa

Catalunha pode declarar independência caso governo barre referendo

|

CatalunhaJuntspelS

Informação foi revelada pelo jornal El País (Junts pel Sí)



(LONDRES) Da Redação 



O governo regional da Catalunha pode declarar independência da Espanha de forma unilateral e imediata, caso não seja realizado referendo separatista, divulgou o jornal El País.


“Se o Estado espanhol impedir a celebração de um referendo, a lei entrará em vigor de maneira completa e imediata quando o Parlamento der conta desse impedimento”, diz um documento ao qual o jornal teve acesso.


O projeto, mantido até agora em segredo e conhecido como Lei de Ruptura, funcionaria como Constituição provisória da Catalunha durante dois meses, até que o Parlamento regional inicie um processo constituinte.



O governo do primeiro-ministro Mariano Rajoy se opõe ao separatismo. A notícia deixa a situação entre estado central e província, que já está desgastada, ainda mais tensa. O mecanismo de separação imediata seria ativado caso o governo impeça a consulta para a independência, marcada para o final de setembro ou início de outubro. Segundo El País, o documento detalha de forma minuciosa a ruptura – embora com lacunas legais e incógnitas.


A Generalitat, governo autônomo catalão, desmentiu a informação e disse que o referendo continua a ser a via prioritária para alcançar a independência.