6 °C
Comunidade

Violência contra mulheres brasileiras em Londres

|

(LONDRES) Da redação - A Queen Mary University of London está realizando uma pesquisa sobre os diversos tipos de violência contra as mulheres brasileiras em Londres. A iniciativa partiu de uma colaboração com a universidade Federal do Rio de Janeiro, e é liderada aqui no Reino Unido pela Dra. Yara Evans.


Segundo a pesquisadora, que também é brasileira, o projeto é um estudo comparativo que pretende descobrir diferenças e semelhanças entre o tratamento da mulher no Brasil e em Londres. Um estudo paralelo será realizado no Complexo da Maré, no Rio de Janeiro.


“Nós já havíamos feito uma pesquisa semelhante sobre a mulher latino-americana, mas nunca especificamente com a brasileira” ela explica. “O objetivo é entender como a imigração pode condicionar as formas de violência contra essa mulher, e como essa violência se reproduz aqui”.





Vilenciamulher

Foto: Reprodução / A pesquisa busca analisar os diversos tipos de violência contra as mulheres brasileiras em Londres




A pesquisa avalia questões sobre a violência física, mas também sobre abusos verbais, cárcere privado e violência psicológica. Ela é composta de diversas etapas, sendo que a primeira é um questionário online aberto ao público. Para participar é necessário ser mulher, brasileira, e residir em Londres há pelo menos seis meses. A participação é anônima, e o questionário estará disponível até o final de fevereiro.


Ao final, a pessoa tem a opção de fazer parte da segunda etapa, que serão entrevistas com vítimas de violência em Londres. A Dra. Evans disse que espera ter o maior número de participantes possíveis para um estudo numérico de quantas mulheres brasileiras passam por situações de violência aqui.


Interessadas em participar podem responder o questionário online aqui ou entrar em contato com a Dra. Evans pelo e-mail y.evans@qmul.ac.uk.