21 °C
Home

Setembro é o mês de volta às aulas no Reino Unido

|

 
O brasileiro Lian Prado Paulino em seu primeiro dia de aula numa escola britânica (Foto:BNNP)


(Londres - Patricia Blumberg) A volta às aulas transforma a vida não só de alunos e professores, como também dos pais. Alguém duvida? A família normalmente sente dificuldade ao lidar com o afastamento do filho, que inicia a vivência escolar.

Professores preocupam-se com o planejamento e sucesso desse momento, e as crianças sentem ansiedade do primeiro dia ou do retorno à escola. Num país cuja língua praticada na escola não é a nativa, o grau de dificuldade é ainda mais elevado.


A inquietação que move a volta às aulas deve ser, no entanto, uma fase feliz para que os envolvidos se sintam bem e aproveitem o início de mais um ano letivo. A primeira semana de aula deve proporcionar aos alunos o acolhimento necessário, para estarem à vontade no decorrer do período letivo.


A organização do ano letivo no Reino Unido é semelhante à da maioria dos sistemas educativos da Europa. Tanto no ensino básico como no secundário, às férias de verão somam-se ainda à três pausas letivas. Acontecem no outono, entre os meses de outubro e novembro, na celebração do Natal e no Ano Novo.

No Reino Unido, a data exata do início do ano letivo varia de uma escola a outra, mas todas iniciam seus trabalhos durante a primeira quinzena de setembro. Nesse período, nos grandes supermercados e lojas de departamentos, a parte dedicada a uniformes escolares está sempre lotada de famílias comprando e experimentando peças em promoção.


No início de julho, por exemplo, a marca alemã Lidl, presente em mais de 26 países europeus, anunciou a venda de uniformes escolares completos, incluindo camisa polo, calças, saias e shorts, por apenas £ 3.75. Foram 41 itens disponíveis para o período de volta às aulas a preços surreais, como suéteres a £ 1.25 ou sapatos de couro a £ 6.99. É possível ainda angariar peças com baixíssimo custo.


Como funciona a avaliação do aluno?


No Reino Unido não existe retenção. Os alunos são avaliados ao longo do percurso escolar. Mas existem alguns momentos importantes que devem ser memorizados pelos pais:


1º ano: Avaliação da aprendizagem fonética (phonics screening check). O ensino da leitura e escrita é feito por meio do método fônico.

2º ano: Avaliação nas áreas de Inglês, Matemática e Ciências por meio de exames padronizados (Standard Assessment Tests).

6º ano: Exames nacionais de Inglês e Matemática (Sats).

9º ano: Exames nacionais em todas as disciplinas do Currículo Nacional.

11º ano: Exames para obtenção do diploma do ensino secundário (General Certificate of Secondary Education). Os resultados condicionam o percurso escolar posterior, tal como entrada na universidade.


Entre o 2º ano e o 6º ano, os alunos são avaliados pelo professor no contexto da sala de aula. Entre o 7º e o 9º ano, eles fazem uma série de avaliações para testar seus conhecimentos.


Custos e benefícios


Vale lembrar que a escola pública é inteiramente gratuita. Livros e cadernos são fornecidos por ela. Na primária é ainda fornecido todo o material complementar, como canetas, lápis e borracha. Os alunos levam apenas os livros de trabalho de casa, que também são fornecidos pela instituição. Na secundária é necessário comprar materiais extras, como canetas de feltro e lápis de cor. O preço da refeição também varia entre estabelecimentos de ensino.


Em relação a benefícios, qualquer imigrante que esteja legal para morar no Reino Unido e que seja responsável por uma criança menor de 16 anos pode solicitar o Child Benefit - pago mensalmente, diretamente na conta do pai ou da mãe, cujo valor é de £ 20.50 por semana para o primeiro filho e £ 13.55 para cada um dos demais.


Para solicitar é bem simples e fácil. Deve-se preencher um formulário e enviar para Child Benefit Office, com as devidas provas solicitadas. Para informações e acesso ao formulário, consulte o site oficial do governo. Normalmente, o pedido pode levar até 12 semanas para ser processado.


Serviços

Confira a lista de serviços para a família imigrante, que possui filho numa escola do Reino Unido:

- Orientação sobre direitos a benefícios para famílias de baixa renda: Citizen Advice Bureau


- Conselhos para pais sobre educação infantil no Reino Unido: Children Information Service (CIS).
Tel: 08000 960 296


- Orientação sobre benefícios e programas escolares, creches, babás e eventos: Sure Start


- Para encontrar a autoridade local em educação: Departamento de Educação 


- Para escolas independentes ou particulares na sua áreaIndependent Schools Council 
Tel: 0207 766 7070