8 °C
Esporte

Após polêmica na Rio 2016, Ryan Lochte perde seus quatro patrocínios

|

BNNP736 Nadador

Foto: Michael Dalder/Reuters / Ryan Lochte utilizava óculos, sungas e tocas da Speedo


(LONDRES) Da redação 


Nesta segunda-feira, Ryan Lochte voltou a ser notícia no mundo. Após falsamente alegar que foi vítima de um assalto no Rio de Janeiro, o nadador americano perdeu seus quatro patrocinadores oficiais: Speedo, Ralph Lauren, uma marca de cosméticos e outras de colchões. De acordo com a revista americana Forbes, o prejuízo do atleta pode ser de £5 a 10 milhões a longo prazo.

Em entrevista em Nova York, no último sábado, Lochte pediu desculpas ao povo brasileiro e disse ter sido imaturo em suas atitudes. Ao mesmo tempo, o nadador não afirmou que tenha mentido, apenas exagerado nas afirmações que fez ao público.

Na última semana, o nadador James Feigen, amigo de Lochte, pagou multa de £15 mil e foi liberado para voltar aos EUA. O dinheiro, convertido em material esportivo, será doado para o Instituto Reação, ONG que funciona na Rocinha.

Aos 32 anos, Ryan Lochte é um dos nadadores mais bem sucedidos da história, sendo dono de 12 medalhas olímpicas entre Atenas 2004 e Rio 2016, na qual nadou em duas modalidades, ganhando um ouro no revezamento 4x200m livr