11 °C
Comunidade

Londres ganha primeira biblioteca infanto-juvenil em língua portuguesa

|

BNNP730 biblioteca


(Londres) por Redacão


Falantes de português que vivem em Londres ganharam mais uma oportunidade para se manterem mais próximos da cultura brasileira. A recém-aberta biblioteca da língua portuguesa foi idealizada pela ABRIR, Associação Brasileira de Iniciativas Educacionais no Reino Unido, sob o comando da escritora e contadora de histórias Sylvia Roesch,  que catalogou e selecionou cuidadosamente as 200 obras que vieram a compor o acervo inicial.


O objetivo principal é “fortalecer o português como língua de herança (POLH), bem como divulgar a literatura brasileira e portuguesa na comunidade falante de português no Reino Unido” afirmou a responsável pelo projeto, que também busca “atender aos interessados no ensino e aprendizagem de português, assim como na cultura e literatura brasileira”.

Parte do acervo é composta por livros essenciais com base no ensino do português, além de obras classificadas por grupos etários: infantil (0-8 anos), infanto-juvenil (8-10 anos), juvenil (12 e mais anos) e adultos.


A biblioteca, localizada no interior da Casa do Brasil em Londres, até o momento reúne 85% dos livros de autores nacionais, e uma minoria de autores estrangeiros traduzidos para o português.  A entrada é gratuita e o cadastro pode ser feito online, pelo site: https://biblioabrir.librarika.com/


A concretização dessa inciativa veio como parte da celebração dos 10 anos de atividades da ABRIR na promoção do português como língua herança. Segundo sua fundadora, Ana Souza,  “é uma grande satisfação poder refletir no papel importante que a ABRIR tem exercido na promoção da língua portuguesa, na formação de professores de POLH, no desenvolvimento das escolas brasileiras que atuam no exterior e, principalmente, no reforço da identidade múltipla das crianças de famílias brasileiras que crescem no exterior e mantêm ligações culturais e linguísticas com o Brasil.”



A associação atualmente reúne 14 escolas de ensino do português, que funcionam no Reino Unido e todas se associaram voluntaria e gratuitamente.