9 °C
Esporte

Após três paralisações, 41º do mundo se supera e elimina Djoko em Londres

|

20160702t144417z 744206823 lr1ec7214xiwj rtrmadp 3 tenniswimbledon g5xNxKf

Foto: Reuters / Djokovic contra Sam Querrey em Wimbledon


(LONDRES) Da redação - A chuva bem que tentou evitar a eliminação de Novak Djokovic de Wimbledon. Após um adiamento na sexta-feira (1), a partida contra Sam Querrey voltou no sábado (2). O americano estava muito bem, e a água insistia em fazer um revezamento com o sol no céu de Londres.


Foram três paralisações ao todo no sábado, mas não deu para o número 1 do mundo tomar o controle do confronto, e a vitória acabou ficando com o americano, atual 41º colocado do ranking da ATP. Sem acreditar, ele comemorou como se fosse um título em quadra. O placar terminou em 3 a 1, parciais de 7/6(6), 6/1, 3/6 e 7/6(5).


A derrota de Djokovic para Querrey


A partida começou na sexta-feira (1). Djokovic entrou mal, perdendo os dois primeiros sets para Sam Querrey. O número 41 do mundo mostrou seu cartão de visitas fazendo 7/6(6) em uma parcial disputada. Depois, abriu 2 a 0 dominando o sérvio e cravando 6/1. A chuva fez a organização adiar o confronto para sábado.


O dia amanheceu ensolarado em Londres, o número 1 do mundo recomeçou bem no duelo e abriu 4 a 0 no terceiro set, mas depois as gotas voltaram a cair e suspenderam o confronto. Quando os dois retornaram, Nole fechou o set em 6/3. No início do quarto set, com o placar em 1 a 1, mais uma vez a chuva retornou, e os esportistas saíram de quadra um tanto quanto frustrados.


O reinício aconteceu poucos minutos depois, com o sol voltando a brilhar em Londres. O jogo ficou mais equilibrado, mas os dois tenistas desperdiçavam as chances de break point que tinham.


Até aquele momento, somente no set, o número 1 do mundo havia perdido 11 chances de quebra, e Querrey, cinco, totalizando 16. Djoko falhou inesperadamente e viu Querrey passar a frente e abrir 6/5, mas o jogo foi paralisado novamente por conta da chuva.


Quando o sol apareceu mais uma vez, o jogo foi retomado. O sérvio levou o jogo para o tie-break em 6/6. Querrey então surpreendeu o melhor do mundo. Ele chegou a dois match points com o placar de 6 a 5 no desempate. Djoko salvou o primeiro com um ace, mas acabou cometendo um erro não forçado, e levou o americano à loucura.