2 °C
Londres

Réplica de arco do triunfo sírio destruído por terroristas exposto em Londres vai rodar o mundo

|


Foto1LondresArcoSrio

A réplica foi construída usando tecnologia 3D


(LONDRES) Da Redação - Uma réplica de um arco de dois mil anos atrás e destruído pelo grupo Estado Islâmico durante a guerra civil na Síria foi erguido em Londres. O monumento saiu no final da semana da capital britânica e agora vai rodar o mundo.


O arco foi exposto na Trafalgar Square para marcar a retomada da cidade pelo governo sírio. O monumento original foi feito em duas décadas e sob o sol do deserto. Já a réplica ficou pronta em algumas horas em laboratórios e usou tecnologia 3D.


Para ser mais preciso, a reconstrução, feita dentro das celebrações da Semana do Patrimônio Mundial de 2016, foi feita em seis horas pelo Instituto de Arqueologia Digital de Oxford. O arco foi inaugurado na terça-feira (19) pelo prefeito de Londres, Boris Johnson.

A obra segue agora para Dubai e Nova York. A réplica pesa quase 11 toneladas e tem 5,5 metros de altura. Ele foi fabricado na Itália em mármore egípcio.

“Os terroristas não deveriam destruir este tipo de obra, que pertence à memória cultural coletiva”, declarou o diretor do Instituto, Roger Michel.


Em seu local de origem, em Palmira, só restaram dois pilares do arco, que data do século três, época do Império Romano. A parte central foi completamente derrubada. “Nós sabemos que os projetos para restaurar a antiga glória de Palmira são colossais, mas eles podem ser realizados se forem considerados como uma missão mundial”, afirmou o diretor de antiguidades da Síria, Maamoun Abdulkarim.

No dia 27 de março, o regime do presidente Sírio Bachar al-Assad retomou o controle de Palmira, considerada patrimônio mundial pela Unesco. O grupo Estado Islâmico considera que estátuas humanas ou de animais são representações de idolatria e, por isso, mereciam ser destruídos.