15 °C
Home

Conservadores vencem as eleições gerais. Miliband, Clegg e Farage demitem-se após derrota.

|

PX9048448BRITAIN-F_3069517b

LONDRES - O primeiro-ministro inglês, David Cameron, encontrou-se hoje (8) com a rainha Elizabeth II por volta das 12h30. Ela oficializou a reeleição de Cameron nas eleições gerais no Reino Unido e o convidou formalmente para constituir um novo governo.


Fontes oficiais adiantaram que, pouco antes das 9h, os conservadores tinham conquistado 313 de 650 assentos da Câmara dos Comuns, num momento em que faltavam contar os votos de menos de 30 zonas.


A visita ao Palácio de Buckingham precedeu o regresso do líder conservador ao Número 10 da Downing Street, onde faz uma declaração neste exato momento ao povo britânico.


Como renova o mandato, Cameron não era obrigado a manter a audiência com Elizabeth II, pois constitucionalmente continua como primeiro-ministro, uma vez alcançados os assentos suficientes. Mas fez a visita num gesto de cortesia para com a monarca.


Os conservadores, que nos últimos cinco anos governaram coligados com os liberais-democratas, aproximam-se da maioria absoluta – 326 lugares – e podem obter até 329 assentos na Câmara dos Comuns do Parlamento de Westminster, segundo uma projeção da BBC.