7 °C
Home

Trens de dois andares podem ser solução para caos ferroviário no Reino Unido

|

Mat01_Page03

Trens de dois andares estão sendo considerados como possível solução para a superlotação das linhas mais movimentadas dos serviços ferroviários de Londres. Funcionários da Rede Ferroviária propõe a introdução de trens de dois andares durante períodos de maior movimento entre Southampton, Woking e Waterloo. Outras medidas incluem a construção de "viadutos" para permitir que os trens ultrapassem estações lotadas, um novo terminal em Londres e uma melhor utilização dos assentos. A Network Rail revelou as propostas como tentativa de solução para aumento do uso de serviços ferroviários nos próximos 30 anos. O número de passageiros em estradas de ferro congestionadas do país está projetado bater recorde nesse período, com o número total de viagens duplicando de 1.6 bilhões um ano para 3.2 bilhões.


 


O número de passageiros que chegam em Waterloo, em Londres, a estação mais movimentada do país, entre oito e nove da manhã, deverá aumentar de 50.000 para 70.000 até 2043. Um trem de dois andares poderia ser projetado para assumir os números extra. Depois foi decidido que nenhum dos trens usados no exterior são adequados à Grã-Bretanha, uma vez que o país usa plataformas mais altas. A ideia inicial prevê trens de 25 metros, que poderiam transportar até 50% mais de passageiros. Stephen Joseph, da ‘Campanha para melhoria dos transportes’, disse ao Sunday Times que há "sérios problemas" com os trens de dois andares, uma vez que leva mais tempo para que os passageiros possam embarcar e desembarcar.


 


A consulta também propõe novas plataformas na estação de Southampton e um "viaduto" em Woking, que custariam até £ 100 milhões, com uma em Basingstoke custando até £175 milhões. Um relatório separado descreve opções para a rede ferroviária Anglia, incluindo construir o primeiro novo terminal ferroviário em Londres desde Marylebone, que foi erguido em 1899. O relatório também sugere que a estação poderia ser construída junto à estação de Shoreditch High Street, no leste de Londres. O relatório também propõe mais plataformas na estação de Liverpool Street.


 


Um porta-voz da Network Rail, disse: "É certo que, como parte de nossos planos para aumentar a capacidade, examinamos integralmente os custos e os benefícios de trens de dois andares, ao lado de melhorias de engenharia, como viadutos em Woking e Basingstoke e novas plataformas em Southampton”. (Com agências britânicas)