15 °C
Esporte

Comerciantes manauaras comemoram movimento na cidade

|

DSCF1596

MANAUS - Copa do Mundo é sinônimo de turismo aquecido. Em Manaus não é diferente. A secretaria de turismo da cidade estima que mais de 175 mil pessoas passem pela capital amazonense durante a primeira fase do mundial, que terá quatro partidas na Arena da Amazônia. Entre os visitantes, são esperados aproximadamente 30 mil estrangeiros. O movimento anima os comerciantes locais. No Largo São Sebastião, famoso ponto turístico da cidade, o fluxo de gente é grande durante todo o dia. (Fotos: Márcio Ceccarelli)


 


 


No local está localizado o Teatro Amazonas, inaugurado em 1986 e um dos principais pontos turísticos do município.  Joaquim Melo, proprietário da barraca Tacacá da Gisela, localizada ao lado do teatro, é um dos que comemoram o bom movimento. "Estava esperando triplicar o movimento (com o mundial), e está se confirmando", comemora. Há dez anos no local, o historiador é sócio de sua esposa Rosa, e atende aos visitantes com cardápios em inglês, espanhol, italiano, francês e na língua indígena.


 


Apesar do grande movimento, ele afirma que não precisou aumentar o número de funcionários. Durante a noite, quando o movimento é mais intenso, Melo coloca a mão na massa. "Fico eu e mais três funcionárias. O espaço é pequeno e a equipe é boa", brinca. Lidar com os turistas estrangeiros não é um problema para ele. "Tenho noção de inglês e falo bem espanhol, então não tem segredo", garante.


 


Quem também comomora o movimento é Gerson Lima. "O movimento sempre foi bom, mas agora com a Copa aumentou bem", afirmou. Proprietário de um bar de sucos na própria praça desde 1997, o comerciante garante que um dos produtos mais pedidos é o Guaraná. Quanto ao campeão mundial, o Brasil é o favorito, apesar de não estar contente com a equipe. "O time está um pouco fraco, mas eu boto fé no Felipão".


 



 


Márcio Ceccarelli
editor@braziliannews.uk.com