12 °C
Home

Sem emprego há três meses, jovem se suicída no Reino Unido

|

britanicosuicidiofacebook

Os jornais londrinos destacam nesta quarta-feira a morte de um britânico de 20 anos. Martin Hadfield teria cometido suicídio após passar três meses sem conseguir emprego, em Tottington, no Reino Unido. O ex-jardineiro teria se candidatado a 40 postos de trabalho, mas não conquistou as vagas por ser mais velho que os demais candidatos e por ter mais experiência na área. (Foto: Facebook/Reprodução)


 


Hadfield ter teria se enforcado depois de uma entrevista de trabalho mal-sucedida. Em todas as empresas em que o ex-jardineiro se candidatou, teve que ouvir que os recrutadores procuravam alguém mais jovem e que pudesse receber menos do que ele mereceria. Mesmo pedindo para ganhar menos, Hadfield não conseguia as vagas. O britânico teria ficado inconsolável depois de passar por jardins em que trabalhara, mas que agora estava sendo administrado por jardineiros menos experientes. Os ambientes estavam em condições precárias.


 


Depois de formado no ensino médio, Hadfield  teria começado a trabalhar como jardineiro. Após anos na profissão, ele conquistou o emprego de paisagista. No entanto, o jovem foi demitido quando a empresa anunciou que iria reduzir os custos. Seu salário era alto, o que prejudicou a sua recolocação no mercado.