11 °C
Cultura

O destino é a lua!

|

rafael4

Chegar até a lua é um dos sonhos de Rafael dos Santos. Apesar de (ainda) não ter conseguido realizar o seu, este brasileiro já ajudou a realizar o sonho de muita gente espalhada pelo mundo. Rafael é o criador do ‘Room in the Moon’, aplicativo para colocar em contato pessoas de destinos distintos que moram na mesma cidade. Critivo, cheio de personalidade e com inúmeros compromissos, este empresário possui grande influência no cenário dos start-ups, conferências entre empresas voltadas ao desenvolvimento de novos temas. Em entrevista ao Brazilian News, ele conta mais sobre sua vida, como pediu seu namorado em casamento e onde surgiu a ideia que revolucionou a vida de muitos cidadãos.


 


Brazilian News - Como surgiu a ideia do Room in the Moon?


Rafael dos Santos - A ideia surgiu quando eu estava escrevendo meu livro 'Moving abroad, one step at a time'. Eu estava procurando um site que conectasse pessoas que estivessem morando ou planejando morar no exterior e não achei nada como eu queria, então foi assim que nasceu a Room in the Moon.


 


BN - Há quanto tempo está no mercado?


RS - Estavamos desevolvendo o projeto há quase um ano, mas lançamos a versão beta em março de 2014.


 


BN - Qual o público alvo?  


RS - São jovens profissionais de 20 a 30 anos que estão mudando pela primeira vez para outro país ou que já estejam morando e querem fazer amizade com pessoas do mesmo interesse na cidade para onde se mudou.


 


BN - Quais serviços a Room in the Moon oferece?


RS - Além da rede social, que é um serviço gratuito, terá informações sobre como as cidades funcionam: o transporte público, os hospitais, as melhores áreas para morar, etc.


Também poderão ser reservados quartos em flatshares e voos.


 


BN - Quais estratégias para o sucesso? 


RS - Acredito que seja um combinação de tentar, errar, mudar a estratégia, avaliar e começar de novo. Não existe fórmula para sucesso. Existe uma sucessão de tentativas que dão certo!
Mas, é claro, nós temos as nossas estratégias de marketing, finanças, etc para manter o foco.


 


BN - O que pode ser considerado o ‘diferencial’ do produto?


RS - Nosso foco é para quem quer mudar de país. Não é um site de turismo. Nós funcionamos como um 'amigo' que te apresenta para outro amigo quando você muda de país.


 


BN - Seu local de nascimento e onde viveu até vir para Londres?


RS - Nasci em itajai, SC (mas nunca morei lá). Morei em Santos e São Paulo antes de mudar para Londres, em 2001.


 


BN - Como surgiu a ideia de morar na capital inglesa?


RS - Vim para estudar inglês e acabei me apaixonando pela cidade.


 


BN - Qual o maior desafio para iniciar um projeto em Londres?


RS - A falta de informação no começo, o medo de não dar certo e a falta de capital.


 


BN - Como é sua ligação com a comunidade brasileira em Londres?


RS - Esta crescendo mais hoje em dia. Eu traduzi meu livro para poder ajudar os brasileiros a entender o lado emocional de mudar para outro país. Como eles dizem na Inglaterra:
‘you can take the boy out of Brazil, but you can't take the Brazil out of the boy!’


 


Uma pessoa especial: Meu noivo.


Onde comer bem em Londres:  L'escargot, no Soho (adoro comida francesa).


Um lugar para se perder em Londres: Regents Park, na primavera no final do dia, ao entardecer.


Um sonho: Viajar para a lua.


Uma qualidade: Integridade.


Um defeito: Cabeça dura.


Uma viagem inesquecível: Paris, quando pedi meu namorado em casamento quando comemoravamos o aniversário dele almoçando no Restaurante Julio Verne, na Torre Eiffel.


Você não suporta: Falar da vida alheia


Um desafio superado: Subir 1000 degraus da muralha da China.