24 °C
Home

É europeu? Confirme seu direito de residência no Reino Unido

|

Mat01 Page03

Por Simone Pereira


 


Brasileiros com dupla cidadania europeia desfrutam dos privilégios como qualquer outro cidadão dos países que fazem parte da União Europeia – atualmente com 28 membros. Com o passaporte europeu, o viajante tem direito de entrar e sair do Reino Unido quando quiser, sem restrinções na imigração. Porém, o europeu somente é considerado residente nas terras da rainha quando exerce o Treaty Rights (Direitos do Tratado de Roma), que pode ser como trabalhador, autônomo, estudante e auto-suficiente, por exemplo.


 


Embora não seja mandatório para o europeu comprovar residência no Reino Unido, as vantagens em ter a documentação facilita na hora de apoiar o pedido de residência para um familiar próximo que não seja europeu e também pode ser utilizado como um documento de status imigratório, caso tenha a incoveniência de ser parado pela imigração e a mesma duvidar sobre a autenticidade do passaporte europeu.


 


Depois de cinco anos exercendo o Treaty Rights no Reino Unido, o europeu pode fazer o pedido de residência permanente (Permanent Registration Certificate) e após um ano entrar com pedido para se naturalizar como britânico. Essa é uma rota segura, embora não seja a única, para o europeu interessado em entrar no processo de aquisição da cidadania britânica, pelo fato de já ter provado que viveu e atuou continuamente por cinco anos no Reino Unido. É importante lembrar que existem outros requerimentos que precisam ser comprovados, como, por exemplo, o tempo que ficou fora do país durante o período de residência.


 


“Quem já tem um passaporte europeu e trabalha no Reino Unido normalmente prefere não se incomodar em confirmar a sua situação porque o direito é automático. Mas em alguns momentos é importante ter o direito confirmado, como, por exemplo, quem tem um filho que nasceu no Reino Unido e já tem em mãos a residência permanente pode solicitar diretamente o passaporte britânico da criança”, lembra Ricardo Zagotto, conselheiro de imigração da Abras.


 


Aos europeus interessados em solicitar a residência no Reino Unido e obter mais informações de como funciona o processo de naturalização britânica, podem entrar em contato com a equipe de imigração da Abras – Associação Brasileira no Reino Unido. Para ter acesso às consultas, é necessário se tornar um associado no valor semestral de £35. Mais informações de como funcionam os serviços da Abras podem ser obtidas por telefone 020 8961 3377, por email (info@abras.org.uk) ou pessoalmente na 59 Station Road, NW10 4UX, Londres, perto da estação de Willesden Junction. O horário de funcionamento da associação é de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h, e aos sábados, das 10h às 17h.