- °C
Home

Redução no número de mortes por Covid-19 em lares de idosos da Inglaterra

|

Foto: Pixabay

Mask 4934337 1920



Da Redação


O número de pessoas que morrem em lares de idosos também está a diminuir.


Números do governo mostram uma queda de 79% em relação ao pico da crise nos lares de idosos na semana que terminou em 24 de abril para o fim-de-semana que terminou a 29 de maio, o último dia em que os dados estão disponíveis.


Em seu discurso de abertura da conferência de imprensa desta segunda-feira (08/06), o secretário de Saúde Matt Hancock disse que houve 12.739 mortes registadas em lares até 22 de maio, o que representa 29,1% de todas as mortes registadas por COVID-19.


“Desde os primeiros dias desta crise, reconhecemos que as pessoas em lares de terceira idade eram excepcionalmente vulneráveis. Dois terços das pessoas na assistência social têm mais de 85 anos e os últimos dados da PHE mostram que os maiores de 80 anos têm 70 vezes mais probabilidade de morrer de coronavírus do que os menores de 40 anos”, disse Hancock.


“Sei pessoalmente que é uma época de ansiedade, e tem sido para qualquer pessoa com um ente querido na assistência social. Desde o início, demos orientação e apoio financeiro aos lares, demos prioridade aos testes, reforçámos os laços entre o NHS e os cuidados sociais com uma liderança clínica nomeada para cada lar em Inglaterra e pedimos aos conselhos que fizessem análises diárias da situação.”


O grupo de trabalho de apoio à assistência social COVID-19 irá supervisionar a execução da próxima fase do plano do governo, garantindo que os lares tenham apoio, formação e recursos de que necessitam para controlar o vírus.


O secretário continua: “Isto implica, fundamentalmente, trabalhar com o sistema de cuidados para desenvolver um plano para manter o pessoal e os residentes seguros nos meses seguintes, uma vez que as medidas de encerramento são facilitadas”.


O governo também promete assegurar-se de que todos os mais 6.000 lares de idosos do país tenham acesso fácil e irrestrito aos testes de coronavírus.


“Posso anunciar que a partir de hoje (08/06), todos os lares para adultos em Inglaterra poderão encomendar todo o serviço de testes para residentes e pessoal.  Significará que em todos os cuidados sociais para adultos, todos terão a certeza e a confiança de um teste coronavírus de alta qualidade, sintomático ou não, a certeza de serem ou não portadores do vírus, e a confiança de que estão a fazer o que é correto para se protegerem a si próprios e aos outros.”