13 °C
Home

Sadiq Khan quer controlar alugueis da capital

|


Ethan wilkinson EeI2kJY3L5A unsplash

Por Ulysses Maldonado

Sadiq Khan lançou sua campanha para a reeleição como prefeito de Londres, atacando seu antecessor e atual primeiro-ministro Boris Johnson. Khan pediu que Boris entregasse à Câmara Municipal a capacidade de introduzir controles de aluguel.

Khan também apontou o histórico de Johnson como prefeito, acusando-o de falhar na área de moradia enquanto construía arranha-céus que "assustavam" a cidade.

O candidato a prefeito trabalhista está promovendo as eleições de 7 de maio como um "referendo sobre o controle do aluguel", que ele disse que o governo havia "bloqueado" suas tentativas de introduzir na capital.

Começando sua campanha em um bairro residencial de Hackney, ele atacou o primeiro-ministro que repetidamente enfatizou suas realizações como prefeito durante suas próprias campanhas pelo poder.

Khan disse: "Quando cheguei à prefeitura herdamos um terrível desastre, Boris Johnson só se preocupava em construir apartamentos de luxo para investidores estrangeiros. E os resultados marcam o horizonte de Londres hoje."

O primeiro-ministro "não se importou" com a habitação social ou genuinamente acessível e "atropelou" as comunidades, acrescentou Khan.

"Ele não fez nada para ajudar os inquilinos com aluguéis disparados durante seu tempo como prefeito", continuou. "É simplesmente impossível desfazer este legado prejudicial da noite para o dia, será uma maratona.”


A Câmara Municipal não tem poderes para introduzir controles de aluguel e precisaria ter essa função transferida do governo central.