17 °C
Londres

Roberto Carlos emociona público em Londres

|


Foto 1


Foto 2



Por Osvaldo Lélis

Com apresentação única e casa cheia, o cantor e compositor Roberto Carlos voltou à Londres depois de 60 anos sem se apresentar aqui, na noite do dia 29 de maio (quarta). A turnê europeia Amor Sín Limites passou, além de Londres, por Lisboa e Gondomar (Portugal), Madri (Espanha), Bruxelas (Bélgica), Paris (França) e Zurique (Suíça).

Sob uma chuva fina e alguma fila para a compra de ingressos, os fãs estiveram presentes no The SSE Arena, Wembley, para prestigiar o “rei”.

O público, em sua maioria brasileiros, mas também portugueses, franceses, latino americanos e alguns ingleses, foi enchendo o local aos poucos. Era possível ver bandeiras do Brasil, México, Chile, Colômbia e Venezuela balançando pela arena.


A produção do show em Londres ficou sob o comando da Backstage Production UK, em parceria com a Como No!, do produtor Andy Wood, e ainda com Bossa FM.

O SHOW

Ao abrir o show, a banda do “rei” tocou o instrumental “Como é grande o meu amor por você” fazendo a plateia cantar junto. Após, um vídeo contando rapidamente a trajetória musical de Roberto foi exibido.

Às 19h45, Roberto entrou no palco sendo ovacionado ao abrir com “Emoções”. Em seguida vieram “Como vai você”, “Além do Horizonte”, “Ilegal, Imoral ou Engorda” e “Lady Laura”, sendo esta última cantada em português e espanhol.

“Detalhes”, um dos seus grandes clássicos, fez jus à fama, levando o público a cantar junto. Depois vieram sucessos como “Outra vez” e “Nossa Senhora”. Então, Roberto deu uma pausa e deixou o palco. A banda seguiu com o instrumental de “Calhambeque”, e ele retornou cantando a música.

Em seguida, Roberto cantou “And I love her”, versão dos The Beatles e única música em inglês apresentada no show.

Outros grandes sucessos como “Sua estupidez”, “Procura-se” seguiram-se, até que Roberto avistou um fã com uma bandeira com um gato azul. Nesse momento, ele faz algumas brincadeiras e cantou “El gato que está triste y azul”, única música cantada inteiramente em espanhol e bastante conhecida do público hispanofalante.

Após cantar “Esse cara”, o bloqueio de segurança foi furado pelos fãs que conseguiram ficar próximos ao palco, aguardando pela famosa distribuição de flores. 

Jogando rosas, Roberto cantou “Como é grande o meu amor por você”, formando um grande coral com a plateia ali a seus pés. Depois foi a vez de “Jesus Cristo”, com toda arena cantando e batendo palmas junto.


Roberto se despediu, saiu do palco, mas voltou para cantar “Amigo”, a última música do show e que compôs junto de Erasmo Carlos.

OS FÃS

A brasileira Luciana Sicularte conseguiu pegar duas rosas jogadas por Roberto. Bastante emocionada, ela disse que foi um sonho realizado: “Eu nunca tive a chance de assistir a um show do Roberto no Brasil, então vou guardar para sempre na memória”.

Quem também conseguiu pegar duas rosas foi a portuguesa Nelly, que mora em Londres, mas que foi à Lisboa para assisitir o show de lá também.

As amigas Rosa e Laura, portuguesa e brasileira respectivamente, vieram de Paris especialmente para assistir o show em Londres.

O publicitário brasileiro Washington Olivetto, que atualmente mora na capital britânica, também foi visto circulando pelo hall da Arena.


Na saída, ainda era possível perceber a emoção e a felicidade dos fãs após desse show tão aguardado.