11 °C
Reino Unido

​Trens devem ficar até 3,2% mais caros a partir de janeiro

|

(LONDRES) Da Redação - O valor das tarifas de trem no Reino Unido deve aumentar em até 3,2% a partir do próximo mês de janeiro, confirmou o governo no último dia 15 ao divulgar o Retail Price Index (RPI), índice de inflação que determina o teto para o reajuste dos bilhetes.


A alta deve representar um acréscimo de até £ 280 no valor dos tíquetes anuais. O aumento, apesar de inferior aos 3,6% de janeiro de 2018, mantém a tendência de elevação nos preços registrada nos últimos anos. O custo da viagem hoje é 42% maior do que há uma década.



Paddington

Estação de Paddington (Reprodução/Network Rail)


O preço da maioria das tarifas de trem na Grã-Bretanha é definido pelas próprias empresas, mas cerca de 45% delas --incluindo bilhetes semanais, mensais e anuais-- são reguladas de modo que só podem aumentar até um teto atrelado ao RPI.


O Departamento de Transportes, no entanto, afirma que as tarifas não aumentam automaticamente seguindo o RPI e que os reajustes geralmente costumam ser menores que o índice.


Em declarações à imprensa, o secretário de Transportes, Chris Grayling, defendeu que os reajustes futuros sejam baseados no Consumer Prices Index (CPI), que fechou o último mês de julho em 2,5%. O político, no entanto, gerou a revolta dos sindicatos de ferroviários ao sugerir que o mesmo índice seja utilizado para reajustar os salários dos funcionários da categoria.