8 °C
Londres

​Uso de cocaína pela classe média alimenta violência nas ruas, diz prefeito

|

(DE LONDRES) DA REDAÇÃO - O prefeito de Londres, Sadiq Khan, afirma que o consumo de cocaína nas "festas da classe média" está produzindo um aumento da violência entre gangues de rua na capital inglesa.


Em entrevista na rádio LBC, o prefeito defendeu que existe uma ligação, confirmada pela polícia da cidade, entre drogas, o aumento da violência nas ruas e dos crimes com facas em Londres.


Sadiq Khan (Reprodução)

OMbKFZCU 400x400


Os crimes com facas cresceram 22% em um ano na Inglaterra e no País de Gales, segundo dados recentemente divulgados pelo Escritório Nacional de Estatísticas (ONS).


"Há pessoas que acreditam que usar cocaína em festas é um crime e que não há vítimas. Os cidadãos têm que perceber que não há crimes sem vítimas ", disse o prefeito.


Para o partido de Khan, o Trabalhista, que fez campanha pela permanência do Reino Unido na União Europeia no referendo de 23 de junho de 2016, o Brexit tornará mais difícil enfrentar o tráfico de drogas.


"As drogas vêm do exterior e a ideia de que seremos mais efetivos no combate após sairmos da União Europeia, sem ter acordos de segurança, é ridícula”, disse.


Em um contexto em que a cocaína atingiu seu maior nível de pureza em uma década, como indicado pelo Observatório Europeu da Droga e da Toxicodependência (OEDT), o Reino Unido registrou uma taxa de consumidores de 4% entre pessoas de 15 a 34 anos.


O ano de 2016 foi o último coberto pelo estudo europeu mencionado acima. Nele, foi registrado que 34% das 7.929 mortes por overdose de drogas na União Europeia, ou seja, cerca de 2.695 pessoas, correspondiam ao Reino Unido.