9 °C
Reino Unido

May anuncia que irá assumir o comando das negociações do Brexit

|

(DE LONDRES) DA REDAÇÃO - Em meio a divergências dentro deu seu governo nas últimas semanas, a primeira-ministra britânica, Theresa May, anunciou no último dia 24 de julho que irá assumir pessoalmente o comando das negociações com Bruxelas sobre o acordo de saída do Reino Unido da União Europeia.


“É essencial que o governo se organize da maneira mais eficaz”, afirmou a primeira-ministra em um comunicado enviado ao Parlamento.


A decisão tira poder das mãos do secretário para o Brexit, Dominic Raab, que assumiu o posto em junho passado, após seu antecessor, David Davis, demitir-se em protesto contra as propostas da premiê para as relações comerciais pós-Brexit.


Um dia após Davis, foi a vez do secretário de Relações Exteriores Boris Johnson abandonar o cargo por discordar do “soft Brexit’ proposto pela premiê.


(Reprodução)

TheresaMay


Segundo May, Raab “continuará dirigindo todos os preparativos” para a saída da UE, enquanto ela irá “dirigir as negociações” com o bloco.


Uma unidade especial do gabinete da primeira-ministra já vinha desempenhando um papel crescente nas conversações do Brexit nos últimos meses.


Londres e Bruxelas precisam chegar a um acordo antes de outubro para organizar o Brexit, previsto para 29 de março de 2019, e estabelecer as bases de suas futuras relações. Na Comissão Europeia há a preocupação de que as discussões internas no governo britânico não permitam chegar a um acordo dentro dos prazos.


Os desentendimentos dentro do gabinete e do Parlamento têm alimentado o discurso em favor de um novo referendo sobre o Brexit. Na votação em 2016, a opção pela saída obteve 51,9% dos votos.